06/01/2006

Paz na Linha vai para o Verão de Jaguaruna

Neste sábado (07/01), voluntários do Programa Paz na Linha, da Ferrovia Tereza Cristina, estarão no Marisquinho, na praia do Arroio Corrente, em Jaguaruna. Eles participam do Verão Vivo Bandeirantes, às 10 horas, com o apresentador Ênio Batista. O objetivo é levar para a comunidade informações sobre segurança e como prevenir acidentes na linha férrea.

Além das informações ao vivo, pelo rádio, os voluntários farão também a distribuição de material educativo, com dicas do Programa Paz na Linha. Segundo o gerente de administração corporativa da FTC, José Gilberto Machado, atitudes simples podem evitar muitos acidentes. “Não colocar lixo nos trilhos, parar, olhar e escutar antes de cruzar a linha férrea e manter a distância de 6,5 metros ao caminhar próximo à linha são algumas das principais atitudes preventivas”, descreve.

No ano passado, o programa Paz na Linha encerrou suas atividades com saldo positivo, tendo levado informações sobre a segurança na linha férrea para cerca de 15 mil motoristas e 15 mil alunos da região. Este ano, o programa continua a partir de março nas escolas e principais cruzamentos rodoferroviários da região. Até lá, as informações estão disponíveis em outdoors, na entrada das cidades por onde passa a linha férrea; em campanhas institucionais da empresa em alguns veículos de comunicação e em ações pontuais como a do Verão Vivo Bandeirantes.

Nas escolas, os colaboradores da FTC falam sobre a prevenção de acidentes na via férrea, sobre a história da ferrovia e sua função econômica e social na região. Para complementar o trabalho e reforçar o conteúdo abordado, a FTC lança concursos de redação, para alunos de 5ª a 8ª série, e concursos de desenho para os alunos até a 4ª série do Ensino Fundamental, com o tema voltado para a segurança na linha férrea. Os melhores trabalhos de cada escola são premiados. “Nosso objetivo ao envolver os alunos é o de transformá-los em multiplicadores das atitudes de segurança”, destaca o técnico de segurança da FTC, Marcelo Batista Cruz.

O que diz a lei: “Deixar de parar o veículo antes de transpor a linha férrea é infração gravíssima, prevista no Artigo 212 do Código de Trânsito Brasileiro, sujeita a multa e perda de sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação”.

Dicas para evitar acidentes: - Antes de cruzar a linha férrea PARE, OLHE, ESCUTE. Respeite as placas de sinalização. - Não cruze a frente de um trem, isso além de caracterizar infração gravíssima, é também perigoso. - Nunca pare sobre os trilhos. - Nunca ande sobre os trilhos. - Estacione os veículos com, no mínimo, 6,5 metros de afastamento da linha férrea. - Não deixe crianças brincarem próximas aos trilhos.

Mais informações:
Fernanda Souza Assessoria de Comunicação / Ferrovia Tereza Cristina (48) 621-7771 / 9921-7147 comunicacao@ftc.com.br

Fonte: Comunicação / FTC

LEIA TAMBÉM

06/03/2017

Transporte ferroviário de cargas por contêineres deve crescer de 10% a 20% ao ano

. . .

25/09/2020

Governador inaugura pera ferroviária no Porto de Imbituba para facilitar acesso de trens

. . .

13/07/2012

O futuro nos trilhos

. . .